BINGO em prol da SPAC

25/junho/2017

Prêmio principal:

Multiprocessador e Pipoqueira Elétrica Britânia

saiba como funciona

ATIVIDADES

MUDANDO ATITUDES

A SPAC

Inscreva-se no Boletim SPAC

Cão muito doente resgatado de residência com o apoio da fiscalização da prefeitura de Piraquara

sábado, 27 de maio de 2017 | 09h58

Na última quinta-feira 25 de maio, solicitamos o apoio da fiscalização da Secretaria Municipal do Meio Ambiente de Piraquara para verificar a situação de um cão que estaria muito doente em uma residência no município de Piraquara. Na noite anterior recebemos informação da situação do cão doente, tivemos contato por whats app com um dos responsáveis que procurava alguém que assumisse o animal, pois a pessoa da família que cuidava dele havia falecido.

Cão muito doente e debilitado resgatado em Piraquara na SPAC

Explicamos que a responsabilidade dos cuidados é dos familiares, que o deixassem aquecido e no dia seguinte o levassem para atendimento na Sociedade Protetora dos Animais de Curitiba (SPAC). Caso tivessem dificuldade financeira que verificassem como fariam para arcar com os custos, mas que o levassem de qualquer forma. A SPAC já assume vários animais vítimas de abandono necessitando de socorro, está com dívidas altíssimas com fornecedores de medicação, auxilia famílias facilitando pagamento de tratamento de seus animais, mas não pode simplesmente assumir animais com um responsável, a não ser que não cumpram com sua responsabilidade, sendo que nessas situações retiramos o animal e registramos ocorrência por maus tratos na Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente (DPMA).

Banzé em tratamento na SPAC

Devido ao que parecia um caso grave e informação de que o animal estaria no tempo, abrimos o chamado com a fiscalização, que encontrou o animal caído no terreno, muito debilitado e paralisado. Diante da gravidade da situação, a fiscalização encaminhou o animal para atendimento na SPAC. Foi atendido pela Dra. Gilmara de Paula da Luz, está sendo medicado e está em observação. Ainda não sabemos o que exatamente ocorre com o cão, estamos aguardando resultado de exames. Não tivemos informação do nome do cão, então o batizamos de Banzé.

Lembrando que nós que auxiliamos nas denuncias de maus tratos somos voluntários, trabalhamos tempo integral, por este motivo contamos com as fiscalizações do municípios em horário comercial para atender estas situações, sempre colocando a SPAC a disposição para o recebimento de animais necessitando de socorro emergencial.

A SPAC é organização não governamental, sobrevive da renda da clínica veterinária e colaborações da população, hoje também através de suas doações de notas ficais através do programa Nota Paraná (http://www.spacuritiba.org.br/noticias/spac-pode-receber-creditos-do-nota-parana/)

Veja como ajudar http://www.spacuritiba.org.br/como-realizar-doacoes/

 

Soraya Simon
Sociedade Protetora dos Animais de Curitiba
www.spacuritiba.org.br

são nossos apoiadores:

Hilário Trigo

Coaching & Desenvolvimento Organizacional
Rua Humberto Geronasso, 984 Conj. 01
Curitiba - PR +55 41 3901-2262 | 8889-7152

www.hilariotrigo.com.br

Instituto Nina Rosa

Organização independente sem fins lucrativos. Promove conhecimento sobre defesa animal, consumo sem crueldade e vegetarianismo por meio da educação humanitária.

www.ninarosa.org.br

Sociedade Protetora dos Animais de Curitiba - SPAC

NOVO ENDEREÇO: Estrada Nova de Colombo, 5504 - Santa Cândida

Curitiba - Paraná - CEP: 82.720-010

spacuritiba@spacuritiba.org.br

Telefone: 41 3357-7968

©2008 - 2017 - Sociedade Protetora dos Animais de Curitiba - SPAC

privacidade | termos | o que você acha do site da SPAC?